Bem-vindo a Doral

10200 NW 25th Street Suite 115 • Doral, Florida 33172 • USA

Pastores Joaquim e Rosana Costa

Nosso primeiro culto da igreja do Doral na Florida aconteceu em 14 de fevereiro de 1999 na casa de um irmão, e dele participaram cerca de 40 pessoas. Isso era o inicio de uma palavra profética se cumprindo. Havia sobre o nosso ministério a profecia que seríamos colocados sobre nações.

Salmos 2:8 Pede-me, e te darei as nações como herança e os confins da terra como tua propriedade.

Mais

QUEM SOMOS

HISTÓRICO

Nosso primeiro culto da igreja do Doral na Florida aconteceu em 14 de fevereiro de 1999 na casa de um irmão, e dele participaram cerca de 40 pessoas. Isso era o inicio de uma palavra profética se cumprindo. Havia sobre o nosso ministério a profecia que seríamos colocados sobre nações.

Salmos 2:8 Pede-me, e te darei as nações como herança e

os confins da terra como tua propriedade.

Havia um pequeno grupo de irmãos moradores do Doral que oravam ao Senhor, pois não havia uma igreja evangélica brasileira naquela cidade na época. Nesse período o Pr. Joaquim Costa Jr. que já morava em Miami se juntou a esses amados pioneiros nascendo assim, nossa primeira igreja. Vale ressaltar que não nascemos fruto de uma divisão. Muitas denominações são formadas sob a influência de Lutero quando a igreja protestante surge da cisão da igreja católica. Infelizmente muitos ministérios nascem com esse estigma.

1 Coríntios 1:10 Irmãos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo suplico a todos vocês que concordem uns com os outros no que falam, para que não haja divisões entre vocês; antes, que todos estejam unidos num só pensamento e num só parecer.

No inicio era apenas um grupo pequeno, mas depois com o crescimento  da igreja começaram as multiplicações. Desse grupo inicial foram enviados

líderes para abrirem outros pequenos grupos (GE= Grupos de Edificação) e assim a estrutura foi sendo formada, alem dos ministérios que auxiliam na  edificação da igreja, hoje são dezenas de grupos em pleno funcionamento.

Um dia o discípulo recebe no GE, quando é enviado a ser líder em um novo grupo, passa a ministrar em outro dia, e noutro dia, culto de celebração todos juntos. Nosso material didático (apostilas e estudos) foram desenvolvidos para que os líderes ministrassem o conteúdo do que havia recebido antes. Alem disso, possuímos cursos e seminários sistemáticos como: Cura interior, Finanças, Criados com uma Missão

(C.C.M), Programa de Enriquecimento Matrimonial (P.E.M), formação e treinamento de líderes, etc. onde cada pessoa deve fazer e servir.

OS FUNDAMENTOS

Temos como objetivo trazer a cada discípulo um conhecimento claro e objetivo acerca das verdades fundamentais do Reino de Deus. Estas verdades vão formar em nossas vidas algo sólido, sobre o qual tudo

mais está edificado.

1) JESUS CRISTO, A REVELAÇÃO DE DEUS: Jesus Cristo, o filho de Deus, é a revelação de Deus para todos os homens. Efésios 2:20 edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, tendo Jesus Cristo como pedra angular;

2) A PALAVRA, ELEMENTO CHAVE: Jesus ensinou a vontade de Deus e revelou a verdade através de suas palavras. O elemento que ele usou para comunicar vida (Zoe) foi a Palavra. 

Mt 24:35 O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar. 

Hb 11:3 Pela fé, entendemos que foi o universo formado pela palavra de Deus, de maneira que o visível veio a existir das coisas que não aparecem.

3) ÚNICO CANAL ESCOLHIDO, DOZE HOMENS: Ele comunicou esta revelação especialmente a doze homens, seus apóstolos. Não temos outra fonte original e fidedigna de informação acerca de Jesus além dos doze apóstolos.

Atos 2:42ª E perseveravam na doutrina dos apóstolos Após Judas se suicidar, tempos depois o Espirito Santo escolhe Paulo.

Galatas 1:8 Mas, ainda que nós ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue evangelho que vá além do que vos temos pregado, seja anátema (maldito, não levado em conta).

4) OBRA DO ESPÍRITO SANTO: Jesus avisou da obra posterior do Espírito Santo, que viria para recordar, revelar, ensinar, consolar, e guiar em toda a verdade.

João 14:26 mas o Consolador, o Espírito Santo, a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito.

5) NOSSA RESPONSABILIDADE: Depois da sua ressurreição, Jesus ordenou a Seus apóstolos que, uma vez recebido o Espírito Santo, fizessem discípulos de todas as nações, pregando, batizando todos os que cressem e ensinando-os a guardar todas as coisas que Ele ordenou.

Mateus 28:19 Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; 20 ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século.

6) REVELAÇÃO CONCLUÍDA DOS FATOS ESSENCIAIS: Depois de um período, o Espírito Santo completou a revelação fundamental dada aos apóstolos, especialmente quanto ao ministério de Cristo. Houve um período de transição até o esclarecimento definitivo.

Apocalipses 22:18 Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro; 19 e, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida e da Cidade Santa, que estão escritas neste livro.

7) PONTO CHAVE – O FUNDAMENTO ÚNICO E UNIVERSAL: Eles indicaram o fundamento de Deus para a Igreja. Como a Igreja é a mesma em todo lugar e em todo tempo, desde então, e até a volta de Cristo, o fundamento que eles mostraram é o mesmo, sempre.

1 Coríntios 3:10-11 Conforme a graça de Deus que me foi concedida, eu, como sábio construtor, lancei o alicerce, e outro está construindo sobre ele. Contudo, veja cada um como constrói. Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo.

8) NÃO SE ADMITEM MODIFICAÇÕES: Este fundamento não deve ser corrigido, modificado ou contradito posteriormente, ainda quando aprofundado em seu significado.

1 Coríntios 3:11 Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo;

9) REITERAÇÕES E CORREÇÕES: As epístolas dos últimos anos eram reiterações sobre as verdades já ensinadas, ou correções de desvios, como em:

Apocalipse 2:4-5 Contra você, porém, tenho isto: você abandonou o seu primeiro amor. Lembre-se de onde caiu! Arrependa-se e pratique as obras que praticava no princípio. Se não se arrepender, virei a você e tirarei o seu candelabro do lugar dele;

10) DESVIOS HISTÓRICOS: Através dos séculos, esse fundamento foi modificado, aplicado, trocado, ignorado e esquecido em muitos aspectos. A história da Igreja testifica isto.

11) RESTAURAÇÃO DA IGREJA: Há vários séculos Deus começou a operar, dando luz sobre alguns aspectos da antiga verdade. Agora, Deus acelera a restauração total da Igreja.

NOSSA VISÃO

1 João 2:6 Aquele que afirma que permanece nele, deve andar como ele andou.” A primeira metade desse versículo tem sido cumprida por um terço da humanidade hoje, no início do século 21. São os que dizem que estão nele, creem em Jesus. Na segunda parte, deve andar como Ele andou, existe um afunilamento, e só o SENHOR pode saber quem passa por esta ‘Porta estreita’. Era isso que acontecia na igreja de Atos.

Atos 2:42-47 Eles se dedicavam ao ensino dos apóstolos e à comunhão, ao partir do pão e às orações. 43 Todos estavam cheios de temor, e muitas maravilhas e sinais eram feitos pelos apóstolos. 44 Os que criam mantinham-se unidos e tinham tudo em comum. 45Vendendo suas propriedades e bens, distribuíam a cada um conforme a sua necessidade. 46 Todos os dias, continuavam a reunir-se no pátio do templo. Partiam o pão em suas casas, e juntos participavam  das refeições, com alegria e sinceridade de coração, 47 louvando a Deus e tendo a simpatia de todo o povo. E o Senhor lhes acrescentava diariamente os que iam sendo salvos.

1) Perseveravam no ensino e doutrina dos apóstolos;
2) Partiam o pão, dividiam o que tinham;
3) Diariamente reuniam-se;
4) Perseveravam na oração juntos.

• Fariseus, religiosos: uma pessoa no templo e outra fora.
• Discípulo: a mesma pessoa em todo lugar.
• A minha casa passa a ser uma extensão do corpo de Cristo.
• Sai o individualismo, entra o corpo.
• Tua luta é minha luta, minha bênção é tua bênção.

Nossa visão em uma frase:

CADA CASA UMA IGREJA, CADA DISCÍPULO UM SACERDOTE.

Uma vez que entendemos que nossa casa é uma extensão da igreja, nosso próximo passo é entender que o desejo de Deus desde o velho testamento, era que todos em Israel fossem sacerdotes.

Êxodo 19: 5-6 Agora, se me obedecerem fielmente e guardarem a minha aliança, vocês serão o meu tesouro pessoal dentre todas as nações. Embora toda a terra seja minha, vocês serão para mim um reino de sacerdotes e uma nação santa. Essas são as palavras que você dirá aos

israelitas.

Israel não obedeceu ao propósito de Deus, pois recusou a santidade, e somente uma das doze tribos se ocupou do oficio sacerdotal. No entanto, em Jesus começa uma nova raça, uma nova nação santa, um

novo povo exclusivo e estes somos nos.

1 Pedro 2:9 Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.

Estas palavras rompiam com séculos de tradição judaica. A tradição de uma “casta sacerdotal”, onde apenas alguns podiam ser sacerdotes. Esta era uma limitação dos tempos da velha aliança, que só poderia mudar com a vinda de Jesus e a descida do Espírito Santo. Por isso, pode-se perceber o tom de exultação nas palavras de Pedro. O Espírito Santo esteve esperando muito tempo para trazer essa revelação. Note as palavras: raça, nação, povo, TODOS SÃO SACERDOTES. ALELUIA!

Com a visão sacerdotal restabelecida devemos anunciar as grandezas daquele que nos chamou e isso é a nossa missão.

NOSSA MISSÃO

Mateus 28:18-20 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: “Foi-me dada toda a autoridade nos céus e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito

Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos”. Antes de fazer discípulos precisamos ser discípulo.

Jesus não disse: “vão, façam reuniões (construções, escolas, discipulado…)”. Ele disse: FAÇAM DISCÍPULOS!

• O que é um discípulo para Jesus?
• Qual a mensagem que produz discípulos?

Jesus não apenas informou e ensinou. Ele formou discípulos. A Igreja do Senhor Jesus é composta de discípulos. Jesus sempre teve a multidão ao seu redor, mas Ele não se iludia com a multidão, pois a multidão vem e vai

(é como freguesia de centro: nunca é a mesma). Mas Ele se dedicou a um grupo pequeno de pessoas, próximas a Ele, que estavam dispostas a tudo por Ele: os discípulos.

É aquele que crê em tudo que Cristo disse e faz tudo que Cristo manda.

Aquele que creu, arrependeu-se, foi batizado e recebeu o Dom do Espírito Santo, a Bíblia chama de discípulo. Jesus procurou enraizar neles a visão do Pai e fez dos discípulos pessoas capazes de dar continuidade à sua obra. Através de um relacionamento intenso com o Mestre, os discípulos aprenderam tudo e aplicaram da mesma maneira à Igreja. Desta forma identificamos uma trajetória que o discipulado de Jesus compreende e que chamamos de ciclo completo do discípulo:

CONQUISTAR, CONSOLIDAR, EDIFICAR, ENVIAR E ACOMPANHAR

CONECTE-SE CONOSCO
HORÁRIOS

SEXTA JOVENS
8:00pm

DOMINGOS
11am

EVENTOS

february, 2018

FeaturedCura Interior - Dias 9 e 10 de fevereiro de 2018

VIDEO